segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Um final de semana para comemorar!

Então, como comentei no PF, eu e marido comemoramos 3 anos juntos na sexta feira. Há uns meses compramos um desconto no Click On pra um hotelzinho numa cidade pequena em Minas e marcamos pra essa data, pra gente poder comemorar. Marido trabalhou dobrado durante a semana pra poder folgar na sexta à tarde, pq a diária nesse hotel começa às 16hs! Combinei com minha tia Rosi da Sofia passar o final de semana com ela (assim ela poderia aproveitar o final de semana com o Iago tbm) e já saímos de casa atrasados pq marido teve que apagar um fogo bem na hora q tava saindo do trabalho, então chegou em casa tarde... Almoçamos - eu e ele - às 15hs... Saímos de casa quase 16hs já! rs
Deixamos Sofia na casa da tia Rosi umas 17:30hs e partimos BR040!

A cidadezinha da vez foi Cristiano Otoni, que fica a 100 km de BH +-, logo depois de Conselheiro Lafaiete. Acabamos indo tarde, né? Escureceu... e pra quem não tinha ideia de onde era a cidade, isso era chato! O pior mesmo foi que logo depois de Congonhas os carros pararam de repente na BR. Provavelmente um caminhão deve ter resolvido ultrapassar outro e aí deu no que deu... parou o trânsito de repente! Marido conseguiu frear (santo ABS!), mas a moça q vinha atrás não deu conta e logo veio outro e bateu nela tbm... inicialmente achamos q nada tinha dado no carro além de um arranhão no para choque. Mas aí marido foi abrir o porta malas e depois ele não fechou mais... afe! Ele precisou fazer um 'arranjo' pra conseguir manter fechado e seguirmos viagem. Antes disso, pegamos os dados dos motoristas e fizemos tbm o BO... foi um transtorno, mas não nos deixamos abalar por conta disso! O problema foi que acabamos chegando ao hotel às 20:30hs +-... mas tá valendo!
E aí? E aí que o tempo virou tbm, ne? A semana inteira aquele solão danado, calooooor, prévia do inferno em BH e, na sexta feira de tarde o tempo virou... Caiu um pé d'água em Cristiano Otoni, gente! E a gente tinha planejado visitar a cidade naquela noite pra comer algo e tal, mas um pessoal q tava no hotel acabou falando q tinha acabado a luz da cidade... me lembrou São Thomé das Letras... kkk. Tivemos, então que ficar por lá msm... Tomamos uma cerveja, comemos fritas e... nuggets (pq não tinha carne) e levamos pro quarto a taça de vinho q tínhamos direito, mais pra ter taça lá, pq tbm levamos vinho de casa (q voltou intacto! kkk).
No dia seguinte, descemos pra tomar o café da manhã e descobrimos q teria um guia pra levar quem quisesse às cachoeiras da cidade. Opa! Vam'bora, ne? Fomos uma carreira de 5 carros e uma moto. O guia foi no nosso carro e levamos um casal tbm, q foi pro hotel de ônibus.
Na ida o guia Moisés nos apresentou à cidade com as seguintes piadas:
- Cristiano Otoni é a cidade primeira! É pq se vc colocar a segunda já saiu da cidade.
- As placas daqui são assim: vc entra na cidade e a placa diz "Seja Bem Vindo" e olhando atrás da mesma placa, vc lê "Volte Sempre".
- Não tem sinalização dos quebra molas em um bom pedaço da cidade e diz o guia que tiraram as placas pq antes estava escrito "Devagar quebra molas", então um português leu e disse "Se devagar quebra as molas, vou passar rápido". Quebrou do mesmo jeito e aí, pra evitar confusão, tiraram...
Ai, ai... rs
A primeira cachoeira que conhecemos foi a da Usina, que é mto linda e tem uns lugares bons pra banho e até acampar! Mas...

Infelizmente o ser humano não sabe aproveitar da natureza com decência e acabei por encontrar essa porcariada toda na parte onde o rio volta a ficar tranquilo...

Pois é... é uma linda cachoeira! Mas ela é poluída... Não sei se vcs vão reparar, mas na foto abaixo tem uma espuma de sujeira ali no rio, uma espuma meio marrom... É triste!

Continuamos seguindo e não paramos na Cachoeira do Paraíso. Ficou pro dia seguinte, como outros pontos turísticos da cidade. Então seguimos em direção à Cachoeira do Balneário, que fica numa propriedade particular, tipo uma reserva. Eles cobram R$4,00 por entrada. E a entrada é essa daí... meio desanimadora...

A lanchonete é mto mal cuidada! Parece um lugar largado às traças... uma pena... E daí eu vi esse cachorrinho amarrado ao carro e achei fofo! Qndo estávamos indo embora passe ali pra brincar com ele.

Da entrada avistamos um pedacinho da cachoeira. Tem bancos, mesas e cadeiras e ainda tem churrasqueiras deitas de tijolos espalhadas. Aí é bacana! Sem risco de colocar fogo na mata, ne?

Ainda fomos presenteados com um pássaro de um azul que nunca vi antes!!! MARAVILHOSO!

E essa é a cachoeira do Balneário! Tem um lago aí com bastante espaço pra nadar. Delícia! Água extremamente gelada e como o sol não tava colaborando, ngm entrou... nem o marido q adora uma cachoeira.

Subindo uma escada, vamos a outra parte da cachoeira com uma outra queda. E aqui todo mundo se sentou nas pedras, colocou os pés na água... Deliciosamente relaxante!

Lá no Balneário tem uma piscina natural. Uma pena que, pra variar, mal cuidada... a água vem da cachoeira e não é tão gelada, mas por ser cimento, o fundo está com lodo e ficou escuro, não sendo possível ver a profundidade. Acaba sendo mto triste ver um lugar tão bonito, uma propriedade particular que cobra (pouco, mas cobra) pra ser conhecido e que é tão jogado às traças desse jeito... é triste, sim... Pq é um lugar cheio de potencial!

Enfim... saindo de lá fomos ao Pesk & Pague do Peixe. Ok, nome pouco criativo, mas vou contar pra vcs... foi o lugar mais bonito que conheci lá!! Infelizmente a CEMIG deixou a dona sem luz desde a noite anterior. Ela já tinha perdido um monte de sorvete que tinha chegado pela manhã e derreteu e não podia fazer almoço pra gente... cerveja? Só quente. Daí infelizmente não dá pra ficar, né? Mas olha q lugar gostoso...

O salão do restaurante é cheio de cabaça artesanal. A que mais gostei foi essa daí, mas tinha tucano, elefante entre muitos outros! Eu, lerda demais, acabei esquecendo de fotografar outras... uma pena!

E a horta do lugar??? Alface, couve manteiga, abobrinha, pimentão, pimenta, cebolinha, tomatinhos e sei lá mais o que... MUITA COISA! Lindo de ver!

Mas o que mais me impressionou mesmo foi esse jardim de copo de leite. Olha que coisa mais perfeita!!! Eu nunca tinha visto isso e acho q nunca nem vi uma flor dessas de verdade. Fiquei apaixonada!

Se tivesse comida lá teríamos ficado o resto do dia, com certeza!! Voltamos pro hotel pra almoçar e curtir o resto da tarde...

Depois do almoço um cochilo e depois piscina! Quer dizer eu nem pensei em entrar pq sou frienta demais! kkkk Mas o marido entrou e aproveitou um cadim.

À noite estávamos decididos sair pra comer fora, mas teve música ao vivo e decidimos ficar até acabar a música. Combinamos com um pessoal que conhecemos lá: o Válter e a filha dele de 15 anos. Me lembrei demais da minha época com essa idade, que eu adorava sair com meu pai e saíamos só nós dois, até parecendo namorados rs. Ela é um doce de menina e ele um cara bem bacana!
O divertido é que na cidade tava tendo rodeio e o pessoal que ia cantar no dia ficou no hotel até a hora de irem pro show. E qual era a banda? Don & Juan. E tava mto engraçado pq os babaquinhas da banda, q nem cantam nada, foram zoar o cara da música ao vivo e ngm gostou da brincadeira! O hotel tava vazio, mas as poucas pessoas q tinham fizeram bastante barulho junto com o músico q, na boa, é MUITO BOM!!!! O cara chega com aquele tamaninho e ngm imagina o vozeirão! E teve gente criticando, sim os músicos 'famosos' e preferindo aos montes o nosso simples músico! rs

Enfim, saímos antes dele acabar, mas já eram 21:15hs +- e fomos comer algo de verdade na cidade. Fomos a um restaurante q nos indicaram, entramos, sentamos e a primeira e mais importante pergunta em qquer lugar q se vá nessa cidade: "Vcs aceitam cartão de débito ou crédito?" NÃO... ok... tivemos q ir pra perto de Conselheiro Lafaiete pra comer algo decente... achamos um posto da estrada q tinha um restaurante excelente e aproveitamos! Ai, ai...

Domingo amanheceu mto feio e frio... vontade nenhuma de sair da cama pra tomar o café! Diz q o café era servido das 7:30 às 9:30hs. Descemos às 9:20hs e dessa vez serviram o café até umas 10:30hs, viu... Clima bom pra curtir caminha mesmo!

Depois do café eu e marido resolvemos jogar sinuca e ficamos umas 3 ou 4 horas direto jogando e foi baum! Claro que perdi a maioria dos jogos, mas o q valeu foi a diversão! kkkkk

E assim acabou o nosso passeio... A diária terminava Às 16hs, mas fomos embora às 14hs pra poder almoçar decentemente em algum lugar bom! Na volta liguei pra tia Rosi pra combinar de buscar Sofia, mas eles estavam passeando, então fomos almoçar primeiro. Tia Rosi nos ligou avisando que estava no parque Guanabara com Sofia e Iago e na hora que chegamos para buscá-los, olha onde estavam... rs

Voltamos pra casa e fomos matar a saudade da nossa cama... Como é bom poder voltar pra casa, por mais delicioso que seja viajar!
E amanhã vou escrever sobre as minhas impressões do hotel e da cidade. Não escrevi neste post pq é mta coisa... então, se animarem voltem! Pq vou postar as fotos lindas do hotel!!! Da cidade não pq, com o tempo ruim de domingo, só saímos do hotel pra ir embora...
Mas no geral o passeio foi perfeito!

4 comentários:

ღღღღ Cici ღღღღ disse...

Nossa, Telma... que aventura!!!
Bacana vcs terem tido a iniciativa de sair pra comemorar, pra passar uns momentos a dois, e isso é super importante num casamento.
Adorei as fotos (menos da poluição... tem povo que é besta mesmo, né?!), e voltarei amanhã pra saber a continuação deste passeio.
Bjns

Neli Alves disse...

Uau! Gostei da aventura, as fotos estão ótimas. Pena que em todo lugar tem gente que ainda não aprendeu a jogar o lixo no lixo. Mas valeu, não é mesmo? Bjks

Kellen Bittencourt disse...

Oii Telma, que aventura foi esta viagem, com certeza vou voltar p ver as fotos do hotel, viajar é muito bom mesmo com os imprevistos sempre compensa sair da rotina! Bjooosss

Mamãe Nádia disse...

Que delícia de lugar!!
Como é bom fugir da rotina e passar uns momentos à sós com o maridão...
Ainda mais num lugar em meio a natureza...amei o programinha de vocês!
As fotos estão lindas!!
Bjos!