segunda-feira, 5 de março de 2012

Piquenique das Tartarugas

Marido chegou em casa sexta feira com um texto bem legal que recebeu em uma reunião de trabalho. E COMO é verdadeiro esse texto... prestem atenção!

"A família de tartarugas decidiu sair para um piquenique, e por serem naturalmente lentas, levaram alguns dias para prepararem-se para o seu passeio. Finalmente a família de tartarugas saiu de casa para procurar um lugar apropriado e, durante o segundo dia da viagem, encontraram o lugar ideal.
Elas levaram algumas horas para limpar a área, desembalaram a cesta de piquenique e terminaram os arranjos. Quando elas estavam prontas para comer, descobriram que tinham esquecido o sal. Poxa, todas concordaram que um piquenique sem sal seria um desastre e, após uma longa discussão, a tartaruga mais nova foi escolhida para voltar em casa e pegar o sal, pois era a mais rápida das tartarugas.
A pequena tartaruga lamentou, chorou, esperneou, mas concordou em ir, com uma condição: que ninguém comeria até que ela retornasse. A família concordou e a pequena tartaruga então saiu para buscar o sal.
Três dias se passaram e a pequena tartaruga ainda não havia retornado. Cinco dias... seis dias... Então, no sétimo dia, a tartaruga mais velha, que já não aguentava de tanta fome, anunciou que ia comer e começou a desembalar um sanduíche.
Quando ela deu a primeira dentada no sanduíche, a pequena tartaruga saiu de trás de uma árvore e gritou:
- Ahááááá! Eu tinha certeza que vocês não iam me esperar! Agora é que não vou mesmo buscar o sal!"

Pois é, pois é... deixo para refletir!

3 comentários:

Adriana Balreira disse...

afff...que tartaruguinha mais desconfiada, sô!!! Ninguém merece!!!
Amei o texto!
Beijos
Adriana

Zizisantos disse...

Oi Telma!
tem horas que vejo muitas tartaruguinhas assim! a espreita, desconfiadas! Não confiam em si!
Tadinhas, só sofrem por antecipação!
Uma boa historinha para os adultos reformularem seus conceitos de convivência!

bjos
Zizi